Chá de Pitanga

beneficios do chá das folhas de pitanga

A pitanga é uma fruta conhecida por seu sabor marcante, e por suas substâncias que proporcionam muitos benefícios, o que explica sua utilização na produção cosmética e medicinal.

Na forma medicinal caseira, é comum o preparo do chá de pitanga com suas folhas, mas você sabe para que serve o chá pitanga? Separei aqui as principais informações sobre seus benefícios, indicações, modo de preparo e precauções. Confira!

1. Chá de pitanga emagrece?

Muitas pessoas acabam dizendo que o chá de pitanga emagrece, mas é importante informar que o chá propriamente dito não emagrece, mas colabora para a redução de ansiedade, uma das principais causas dos deslizes das dietas.

Por isso, é bastante indicado para os períodos de dietas, para controlar a vontade desenfreada de comer.

2. Chá de pitanga para diarreia

Essa bebida possui muitas propriedades depurativas, ou seja, são uma boa alternativa para os quadros de diarreia, causando a redução dos sintomas e eliminando as toxinas presentes.

O chá também é indicado para os quadros de diarreia em crianças, sendo uma boa indicação até mesmo para bebês.

3. Ação diurética

Essa é uma das principais ações desse chá, as folhas de pitanga promovem a eliminação de um nível maior de líquidos através da urina, o que é excelente para limpeza do sistema urinário, eliminando bactérias presentes.

Para quem sofre com a retenção de líquido, também é uma boa saída o consumo do chá de pitanga, já que esse reduz o inchaço.

4. Ação antioxidante

O consumo regular do chá realiza o bloqueio de produção dos radicais livres, responsáveis por danificar o DNA. Segundo pesquisas do Centro Médico da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos o acúmulo de radicais livres contribui para o processo de envelhecimento precoce, surgimento de câncer, doenças do coração e artrite.

5. Tratamento de infecção urinária

Apesar de não haver nenhum embasamento científico que comprove sua eficácia nesses casos, o chá de pitanga é muito utilizado nos quadros de infecções urinárias, e existem muitos relatos sobre sua eficácia.

Porém é interessante solicitar liberação médica antes de iniciar o tratamento auxiliar com o uso do chá.

Como preparar o chá de pitanga?

Antes de iniciar o processo de preparo é importante entender alguns pontos. É ideal que o consumo do chá seja feito no mesmo dia de preparo, ou ainda morno. Você deve respeitar o limite máximo 3 xícaras ao dia. Quanto a preparação é bem simples, para isso você vai precisar de:

Ingredientes: 3 colheres de folhas de pitangueira; 1 litro de água.

Modo de preparo: Levar a água ao fogo e quando iniciar a fervura, acrescente as folhas de pitanga, desligue, tampe e deixe descansar por 10 minutos. Na sequência coe e beba morno.

Precauções

Vou mencionar um grupo específico de pessoas que deve buscar orientações médicas antes de iniciar o consumo da bebida, sendo elas:

  • Mulheres grávidas;
  • Lactantes;
  • Crianças e adolescentes;
  • Idosos;
  • Pessoas que façam uso de medicamentos em tratamentos.

Por tratar-se de uma bebida diurética (que estimula a eliminação de líquido do organismo por meio da urina), a dosagem limite precisa ser respeitada para que o funcionamento saudável do corpo não seja prejudicado.

O chá de folha de pitanga pode interferir na quantidade de potássio presente no organismo, causando consequentemente problemas relacionados à frequência cardíaca, por isso tenha sempre moderação.

E aí você já conhecia todos os benefícios das folhas de pitanga? Deixe aqui nos comentários. Compartilhe em suas redes sociais, e fique de olho no blog, logo volto com novidades. Até a próxima!

<< Todos os Chás

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (504 votos! Artigo avaliado com 4,87 estrelas / máximo de 5)
Loading...